Elysium - apenas o retrato da nossa sociedade.

Não é bem um critica ou um resumo e muito menos um filme, é apenas o retrato da nossa sociedade.
Sinopse - Elysium
Em 2159, o mundo é dividido entre dois grupos: o primeiro, riquíssimo, mora na estação espacial Elysium, enquanto o segundo, pobre, vive na Terra, repleta de pessoas e em grande decadência. Por um lado, a secretária do governo Rhodes (Jodie Foster) faz de tudo para preservar o estilo de vida luxuoso de Elysium, por outro, um pobre cidadão da Terra (Matt Damon) tenta um plano ousado para trazer de volta a igualdade entre as pessoas.

Vendo o lixão que a Terra estava virando, os humanos criaram um satélite artificial onde poderiam viver em paz com seus gramados perfeitos, rodeados de pessoas lindas e, principalmente, saudáveis. Porém, este paraíso que dá nome ao filme tem seu preço e nem todos podem pagá-lo. Toda uma população fica na Terra, sofrendo dia após dia nas mãos dos endinheirados que controlam as fábricas e seus robôs de diretrizes quase nazistas. 
Olhar para aquele favelão latino que virou Los Angeles no filme é como espiar para além do muro dos condomínios de luxo que vemos hoje em muitas das cidades do Brasil e, claro, em outros países onde a distribuição de renda é desequilibrada. - Desabafo! 
A imagem acima é um momento emocionante do filme, apesar de ser um filme de gênero ação, o romantismo e a sensibilidade tomou conta dessa historia e claro o amor decidiu o filme.  
Beijos da Jaque

0 comentários:

Postar um comentário