Da próxima vez eu me mando

Eu fiquei uma porção de tempo tentando ser “legal e maduro”, “uma presença leve e agradável” — porque eu tô ainda muito inseguro de mim mesmo, e não acreditando absolutamente que alguém possa me curtir bem assim como eu sou.
(Caio Fernando Abreu - Carta a Vera Antoun)
Ciumes sim! 
Desculpe o Auê

Eu não queria magoar você
Foi ciúme sim
Fiz greve de fome
Guerrilhas, motins
Perdi a cabeça
Esqueça!
Ai! Ai! Ai! Ai!
Oh! No!...

Desculpe o Auê
Eu não queria magoar você
Foi ciúme sim
Fiz greve de fome
Guerrilhas, motins
Perdi a cabeça
Esqueça!
Ah! Aaaaah!...
Da próxima vez eu me mando
Que se dane meu jeito inseguro
Nosso amor vale tanto
Por você vou roubar
Os anéis de Saturno...
On! On!
Naná! Naná! Hiá
Ah! Ah! Ah! Ah! Ah!...(2x)
Xá! Xá! Uha! Uha!
Xá! Xalalá

0 comentários:

Postar um comentário